DIY

DIY: Repaginando Móvel Velho

By Marina Cruvinel Lacerda - 7/27/2016

Olááás meninas,

Há quase 3 anos perdi minha vózinha, e meu avô quis que ficássemos com algumas coisas dela. Eu peguei algumas coisinhas bem singelas, como alguns terços, um prendedor que ela sempre usava desde que me entendo por gente (como as coisas de antigamente duram eternamente né?), e depois minha tia perguntou se eu queria um banquinho da minha baixinha (minha vó era bem pequeninha, menos de um metro e meio, e eu e minha mãe a chamávamos de baixinha). Como sou designer e adoro trabalhos manuais, minha tia pensou que eu poderia restaurar a peça ou modernizá-la.

E contei com alguns produtos para me ajudar na modificação:




O banquinho é MUITO antigo, acho que é de quando minha mãe era pequena ou antes dela nascer (preciso confirmar isso...). Uma relíquia de família. Mas a almofada estava bem manchada e velha - bem maltratada pelo tempo. Logo vi que teria que reformar a capa da almofada, e como a cor da madeira não combina com o meu quarto atual, pensei: "Como terei que mudar a almofada, já modifico tudo".

Olha como era:



Confesso que tive problemas para achar um tecido que gostasse. Na verdade toda a ideia que tinha para ele era completamente diferente do que ficou no final: eu não consegui achar o tipo de estampa que imaginava. Então escolhi a que mais me agradou na loja e parti para as cores do corpo do banco.

Como comprei um tecido rosa com branco para a almofada, pensei em fazer um tom sobre tom e pintar o banco de rosa bebê para fazer um contraste com a almofada, tudo bem que a almofada não é um rosa escuro, uma vez que a ideia também não era destoar muito o tom. O meu quarto já é colorido, por isso decidi fazer o banco na mesma cor que a almofada para não pesar no ambiente.

Bom voltei a tagarelar muito... Mas tenho muita paixão por essa joia, esse presente que foi de uma das pessoas que mais amo... Enfim... Vou colocar as fotos, e também vou colocar o valor para vocês terem uma noção de como dá pra mudar sem gastar fortunas. Se você tem um móvel de qualidade, mas está velho, avalie se compensa comprar um novo ou se transformá-lo é a saída, para continuar com um móvel de qualidade (até mesmo com um valor sentimental) sem gastar muito.

Passo a passo:
  • Meninas como tudo de madeira que você for pintar, tem que passar a lixa para preparar a peça, e deixá-la lisa e uniforme para receber os próximos passos;
  • Depois coloquei fita adesiva nas pernas do banco para pintar, com tinta spray, primeiro os pés (que são metálicos) e já eram dourados, mas estavam desgastados. Após 24 horas para a tinta secar bem, fui para o próxima passo;
  • Passar a base preparatória na madeira, assim a tinta fica uniforme, sem falhas na cor. De 2 a 3 demãos da base preparatória;
  • Por ultimo a tinta na cor rosa bebê. Foram 3 demãos. Eu fiz com o rolinho, achei que estava ficando mais uniforme do que com o pincel.
Meninas, POR FAVOR não reparem nas fotos, pois quando repaginei o banco não tinha blog ainda, as fotos tirei só para ver o antes e depois.


Antes e Depois:



Para a almofada: enchimento e tecido custou R$ 17,20; a confecção da costureira foi R$ 40,00 (para quem quem sabe costurar economiza bastante, eu sou uma negação). Para o banco: a tinta spray dourada custou R$ 26,00, a tinta rosa e a base para madeira foram R$ 6,90. O total ficou  R$ 97,00.

É isso meninas, quem tiver alguma dúvida, deixo nos comentários que respondo.

Beijos, não esqueçam de me seguir nas redes sociais e inté!!!

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários